Infecção por MRSA está cada vez mais comum fora dos hospitais

Staphylococcus aureus

Image by AJC1 via Flickr

De acordo com médicos a melhor forma de prevenir os abscessos causados pela bactéria são os cuidados diários com a higiene

Foto: Divulgação/Univ. de Cambrigde
Staphylococcus aureus está cada vez mais presente em ambientes cotidianos fora do ambiente hospitalar
 Staphylococcus aureus está cada vez mais presente em ambientes cotidianos fora do ambiente hospitalar

Pesquisadores da Universidade de Cincinnati (UC), nos Estados Unidos, relataram que o Staphylococcus aureus resistente à meticilina, ou MRSA, pode estar mais prevalente nas lojas, academias de ginástica e até nas casas das pessoas do que nos corredores e paredes dos hospitais locais. Segundo médicos a melhor forma de prevenir a infecção pela bactéria são os cuidados diários com a higiene.

“O MRSA é uma condição que foi pensada como sendo adquirida predominantemente entre as populações hospitalares, onde pacientes com dispositivos invasivos e sistemas imunitários enfraquecidos têm maior risco de infecção do que o público em geral”, disse a pesquisadora Francine Kidd, médica responsável pelo controle de infecção no UC Health University Hospital. “Entretanto, a situação está invertida, e agora nós estamos vendo mais gente entrando no hospital com MRSA do que saindo.”

Kidd disse ainda que superfícies da pele comprometidas, o contato com pessoas infectadas e higiene pessoal inadequada são apenas algumas maneiras através das quais alguém pode desenvolver MRSA.

“O MRSA é um organismo da pele”, explica ela. “Ele não pode te ferir a menos que você desenvolva um machucado na pele. Então, ele pode entrar e iniciar uma infecção. Ele é muito visto em esportes de contato, como o futebol, porque as pessoas batem umas nas outras e podem facilmente causar lesões na pele, que é tudo o que o MRSA precisa para configurar uma infecção. As infecções hospitalares são mais vistas no sangue, no muco e outros órgãos mais profundos. Fora do hospital, o MRSA é visto principalmente como um abscesso na pele. ”

Francine alerta que a prevenção é muito melhor e mais fácil do que uma cura. “Limpeza e precaução extra devem estar na mente de todos, seja em uma ida ao supermercado ou à academia.”

Ela explica que a primeira linha de defesa é a mais fácil. “Lavar as mãos. MRSA é transmitido geralmente pelo contato diário. Use água e sabão e fricção por pelo menos 20 segundos. O uso de um desinfetante para as mãos é protetor, especialmente quando você não está perto de uma pia. Na verdade, lenços umedecidos com álcool podem ser melhor do que lavar, porque matam os germes. Quando você lava, você solta os germes de sua pele e os enxágua para o ralo. ”

Além disso, a pesquisadora disse que é importante cobrir arranhões ou bolhas se você está envolvido com esportes de contato físico e certificar-se de tomar banho e lavar o ferimento após a prática da atividade.

“MRSA não é uma condição nova, e nós temos ouvido muito sobre seus efeitos recentemente. Só porque nós não ouvimos sobre isso todos os dias não significa que a bactéria não está lá fora. Faça o seu melhor para se proteger sendo consciente com seus hábitos de saúde e os hábitos dos outros”, concluiu ela.

Fonte: Isaude.net

 


web stats analysis



Site Meter

Sobre Jaleco Vida
Vestimenta de Segurança contra risco biológico confeccionada com tecido tecnológico bacteriostático e utilizada como barreira corporal biológica e física em hospitais, laboratórios, fábricas, restaurantes, entre outros. Inibe proliferação de bactérias trazendo mais segurança a pacientes e profissionais da saúde. Possui modelagem confortável, e é indicada para profissionais que trabalhem em ambiente de risco biológico, ou seja, com probabilidade de exposição ocupacional a agentes biológicos. Entende-se por serviços de saúde qualquer edificação destinada à prestação de assistência à saúde da população, e todas as ações de promoção, recuperação, assistência, pesquisa e ensino em saúde em qualquer nível de complexidade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: